ESPORTESNET

Em dia de tributos a Wilson Fittipaldi Júnior e Gil de Ferran, coube a um dos mais jovens pilotos do grid o primeiro lugar da corrida de 50 minutos em Goiânia. E Gabriel Casagrande fecha a etapa inicial do campeonato como líder

A etapa de abertura da temporada 2024 da Stock Car Pro Series foi concluída neste especial domingo (03/03) com atuação impecável de Felipe Baptista no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO). O jovem de apenas 20 anos construiu ainda o sábado uma vitória maiúscula, quando garantiu a pole position da corrida principal.

Nesta quente tarde, o novo piloto da Crown Racing liderou praticamente de ponta a ponta a bordo do Toyota Corolla #121, não deu chances aos adversários e conquistou seu segundo triunfo na Stock Car, voltando ao topo do pódio depois de terminar na primeira posição em dezembro de 2022, em Interlagos.

Wilson Fittipaldi Júnior e Gil de Ferran: lendas homenageadas na Stock Car
(Duda Bairros/Stock Car)

Felipe Massa também começou muito bem a temporada e finalizou o domingo no pódio, na segunda colocação com a TMG Racing, coirmã da Crown Racing. Gabriel Casagrande (A.Mattheis Vogel) consolidou um fim de semana muito forte e, depois do top-5 na corrida Sprint, de sábado, cruzou a linha de chegada na prova principal na terceira colocação, em posição que coloca o atual campeão na liderança da tabela, com 111 pontos.

Em excepcional recuperação após ter largado em 20º, Rubens Barrichello (Mobil Ale Full Time) finalizou o domingo em quarto lugar pouco depois de viver outro grande momento e receber o título de Cidadão Honorário de Goiás, em razão dos seus feitos e do seu amor pelo Estado. Lucas Foresti (A.Mattheis Vogel) foi o quinto melhor colocado, com Julio Campos (Pole Motorsport) em sexto, concluindo um grande fim de semana. Nelson Piquet Jr. (Cavaleiro Sports), Bruno Baptista (RCM Motorsport), Átila Abreu (Pole) e Dudu Barrichello (Mobil Ale) completaram a relação dos dez primeiros colocados.

O domingo que marcou a 80ª corrida da história da Stock Car em Goiânia foi de muitas e merecidas homenagens a duas lendas do esporte a motor brasileiro: Wilson Fittipaldi Júnior — que levou o nome da etapa deste fim de semana — e Gil de Ferran, que nos deixaram há tão pouco tempo. Muito emocionado e em lágrimas, o filho de Wilsinho, Christian Fittipaldi, trouxe o histórico capacete da primeira corrida do pai na Fórmula 1, enquanto Rubens Barrichello correu em Goiânia com o design de capacete que foi uma das muitas marcas deixadas pelo igualmente inesquecível Gil.

Christian Fittipaldi se emocionou com homenagem ao pai, Wilson Fittipaldi Júnior
(Duda Bairros/Stock Car)

Como foi a corrida — Em novo formato, a Stock Car partiu para a principal corrida do fim de semana, com 50 minutos mais uma volta de duração. Felipe Baptista largou da pole position e sustentou a liderança, tendo em seu encalço os experientes Felipe Massa, Ricardo Maurício e Daniel Serra.

Mesmo sendo uma prova mais longa, os pilotos não economizaram nas muitas batalhas por posição, várias trazendo três carros andando lado a lado. Alheio às disputas, Felipe Baptista impôs forte ritmo e abriu uma vantagem considerável, mantida mesmo depois das paradas para troca de pneus. Antes da abertura da janela, o safety car interveio após princípio de incêndio no carro de Gaetano Di Mauro.

Felipe Massa ratificou a boa desempenho na classificação e na corrida e segurou a segunda colocação. O mesmo, contudo, não aconteceu com Ricardo Maurício, que depois do pit-stop teve a roda traseira direita solta, perdendo a chance de marcar seu 90º pódio na Stock Car. Em fim de semana extremamente sólido, Gabriel Casagrande subiu para terceiro e apontou para a liderança geral do campeonato. Na grande escalada da etapa, Rubens Barrichello conquistou 16 posições e pulou de 20º para quarto lugar na pista onde já venceu oito vezes, e Lucas Foresti, companheiro de equipe de Casagrande, concluiu o top-5.

Começo positivo — Vencedor neste domingo, Felipe Baptista ressaltou a estreia ótima com o Toyota Corolla da Crown Racing, abrindo assim de forma muito forte e sólida a temporada 2024. “Foi um fim de semana maravilhoso em minha nova casa. E só quero agradecer a todos eles, que entregaram um carro incrível. Administrei muito os pneus, tinha todos os 44 pushes guardados para hoje e ainda sobraram 11 no carro. Consegui um ritmo legal na largada e relargadas. É o início de uma temporada no que, com certeza, vamos estar lá na frente até o fim brigando pelo título”, comemorou.

Quem também abriu da melhor forma 2024 foi o atual campeão. Na defesa do título, Gabriel Casagrande manteve a consistência de todo o fim de semana e concluiu a jornada em Goiânia como o maior pontuador e, consequentemente, na liderança da tabela.

“Foi do jeito que a gente queria, começamos muito bem. Faltam 11 etapas. Vamos construindo o campeonato e, tenho certeza, estaremos brigando lá no fim. O regulamento, para mim, ficou muito bom, agradou muito. Valoriza a performance e a equipe que está melhor preparada, e torna ainda mais importante a classificação”, analisou.

História escrita: a corrida deste domingo foi a 80ª da Stock Car em Goiânia
(Duda Bairros/Stock Car)

Felipe Massa foi outro piloto que iniciou o ano em grande forma. O piloto da TMG Racing conquistou seu quarto pódio seguido em etapas da Stock Car e, depois do segundo lugar, projeta um 2024 vencedor. “É um resultado maravilhoso. Fim de semana muito bom, com segundo lugar na classificação e hoje, na corrida principal. Estamos muito bem no campeonato. É uma outra história começar tão bem. Vamos lutar por mais um pódio na próxima corrida”, concluiu.

A classificação extraoficial do campeonato mostra Gabriel Casagrande em primeiro, com 111 pontos, enquanto Julio Campos aparece em segundo lugar, com 105. Felipe Baptista fecha o fim de semana em terceiro, com 94. Lucas Foresti vem em quarto, com 91, e Bruno Baptista vem em quinto, com 83, somente um a menos que Rubens Barrichello e Felipe Massa, empatados com 82. Rafael Suzuki soma 74, com Nelson Piquet Jr. em nono, com 73 tentos. E o estreante Zezinho Muggiati completa a relação dos dez primeiros no seu primeiro fim de semana como piloto titular da Stock Car. O curitibano marcou 68 pontos.

A Stock Car Pro volta a acelerar dentro de três semanas para a disputa da segunda etapa da temporada, entre 22 e 24 de março, no mesmo fim de semana de abertura da temporada 2024 do BRB Fórmula 4 Brasil, tendo como palco o Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, no interior de São Paulo.

Stock Car Pro Series, temporada 2024
Corrida principal (domingo), resultado final

1º – Felipe Baptista (Crown Racing/Toyota Corolla), 33 voltas em 52min06s510
2º – Felipe Massa (TMG Racing/Chevrolet Cruze), a 5s353
3º – Gabriel Casagrande (A.Mattheis Vogel/Chevrolet Cruze), a 7s227
4º – Rubens Barrichello (Mobil Ale Full Time/Toyota Corolla), a 13s863
5º – Lucas Foresti (A.Mattheis Vogel/Chevrolet Cruze), a 15s375
6º – Julio Campos (Pole Motorsport/Chevrolet Cruze), a 16s147
7º – Nelson Piquet Jr. (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze), a 19s028
8º – Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla), a 20s459
9º – Átila Abreu (Pole Motorsport/Chevrolet Cruze), a 24s511
10º – Dudu Barrichello (Mobil Ale Full Time/Toyota Corolla), a 25s926
11º – Allam Khodair (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze), a 27s042
12º – Zezinho Muggiati (KTF Racing/Chevrolet Cruze), a 27s837
13º – Guilherme Salas (KTF Racing/Chevrolet Cruze), a 28s307
14º – Enzo Elias (Crown Racing/Toyota Corolla), a 28s855
15º – Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla), a 29s572
16º – Cacá Bueno (KTF Sports/Chevrolet Cruze), a 31s939
17º – Rafael Suzuki (TMG Racing/Chevrolet Cruze), a 38s846
18º – Gianluca Petecof (Full Time Sports/Toyota Corolla), a 40s372
19º – Arthur Leist (Full Time Sports/Toyota Corolla), a 55s495
20º – Gabriel Robe (WOKIN Garra Racing/Chevrolet Cruze), a 57s471
21º – Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla), a 1min02s170
22º – Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Toyota Corolla), a 1min18s607
23º – Lucas Kohl (WOKIN Garra Racing/Chevrolet Cruze), a 1 volta

Não completaram, número de voltas

Felipe Fraga (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze), 23 voltas
Ricardo Maurício (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze), 18 voltas
Daniel Serra (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze), 16 voltas
Gaetano Di Mauro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze), 5 voltas
Raphael Teixeira (ASR Competições/Chevrolet Cruze), 0 voltas

Classificação do campeonato após duas corridas (top-10)

1º – Gabriel Casagrande, 111 pontos
2º – Julio Campos, 105
3º – Felipe Baptista, 94
4º – Lucas Foresti, 91
5º – Bruno Baptista, 83
6º – Rubens Barrichello, 82
7º – Felipe Massa, 82
8º – Rafael Suzuki, 74
9º – Nelson Piquet Jr., 73
10º – Zezinho Muggiati, 68
*pontuação extraoficial

Stock Car Pro Series, temporada 2024, calendário:

  • Etapa / Data / Local
  • 2ª – 24/03 – Velocitta (SP)
  • 3ª – 21/04 – Interlagos (SP)
  • 4ª – 19/05 – Cascavel (PR)
  • 5ª – 30/06 – Velocitta (SP)
  • 6ª – 28/07 – Goiânia (GO)
  • 7ª – 18/08 – Belo Horizonte (MG) *
  • 8ª – 08/09 – Santa Cruz do Sul (RS) *
  • 9ª – 06/10 – Argentina
  • 10ª – 27/10 – Velopark (RS)/Uruguai
  • 11ª – 24/11 – Brasília (DF)
  • 12ª – 15/12 – Interlagos (SP)

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.