Foto: divulgação/RB Bragantino

As meninas do RB Bragantino fizeram história na noite desta quinta-feira (26), após ficarem no empate com o São Paulo, pelo jogo de volta das quartas de final do Paulistão Feminino. De pênalti, Rosani colocou o Massa Bruta em vantagem. O Tricolor empatou logo em seguida com Giovana, mas acabou parando na marcação forte do adversário.

O JOGO


Precisando do resultado, o São Paulo começou com tudo, pressionava o adversário a todo momento e tentava assustar. Só que uma falha da zaga são paulina, logo aos 10 minutos da etapa inicial resultou em um pênalti para o RB Bragantino.

Rosani foi para a cobrança, cobrou com muita categoria e colocou o Massa Bruta em vantagem.

Só que o gol não tirou o ímpeto do Tricolor. Muito pelo contrário. Dois minutos depois de sair atrás no placar, a equipe da capital conseguiu o empate com Andressa.

Daí em diante, o RB Bragantino se fechou em seu campo de defesa. O São Paulo rondava a área adversária, mas não conseguia penetração, muito menos chutes de longa distância.

No segundo tempo, seguiu na mesma situação, o Massa Bruta se defendendo, e o Tricolor girando a bola sem criar chances claras.

À medida que o tempo passava, o nervosismo foi tomando conta do Tricolor Paulista. O que resultou em muitos passes errados e em decisões equivocadas.

Por outro lado, o Bragantino até teve o contra-ataque, mas também não conseguiu assustar.

Já nos minutos finais, o São Paulo partiu para o tudo ou nada. Mas o Massa Bruta seguiu firme na defesa, ganhou todas pelo alto e não permitiu uma chance se quer.

E agora?


No jogo de ida, o Bragantino havia vencido por 1 a 0 e um empate bastava para garantir classificação nas semifinais do Paulistão Feminino. Agora o Massa Bruta aguarda o seu adversário, que será definido neste fim de semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.