Valtteri Bottas vence a Sprint Race do Circuito de Monza de ponta a ponta, mas punição tira a pole position do finlandês

O segundo teste da corrida rápida de classificação aconteceu neste sábad0 (11) e teve grandes emoções. Valtteri Bottas, o piloto mais rápido na classificação de ontem, largou na frente, com Lewis Hamilton na segunda colocação.

O líder do campeonato, Max Verstappen, largou em terceiro.

Após as luzes verdes, Bottas manteve a primeira colocação até o final da Sprint Race de Monza, vencendo a corrida rápida.

Apesar da vitória, Valtteri Bottas foi punido por conta da troca de motor e componentes no carro e largará, neste domingo, no final do pelotão, no Circuito de Monza. 

Max Verstappen foi o segundo colocado e com a punição de Bottas, largará na frente no GP da Itália. Daniel Ricciardo foi o terceiro colocado.

Hamilton largou mal

Lewis Hamilton largou muito mal na Sprint Race e caiu da segunda para a sexta colocação logo na partida. O seu carro não manteve o desempenho e ele foi engolido por Verstappen, Ricciardo, Norris e Gasly.

Porém, Gasly tocou com a asa em Lando Norris e acabou batendo, ficando fora da corrida rápida.

Com isso, Hamilton caiu para a quinta colocação e manteve o resultado até o final das 18 voltas.

Com a punição de seu companheiro da Mercedes, Hamilton largará na quarta colocação neste domingo em Monza.

GASLY PERDEU A ASA DIANTEIRA E BATEU NA PRIMEIRA VOLTA

O piloto da AlphaTauri não se deu bem na Sprint Race de Monza. Pierre Gasly largou bem, mas tocou a sua asa na roda do carro da frente, e com isso, um pedaço caiu e foi parar embaixo do carro.

Por isso, Gasly escapou e bateu direto no muro, ficando com a placa de publicidade presa em seu carro.

Assim, o safety car entrou na pista e ficou até a terceira volta. Kubica e Tsunoda também rodaram, mas conseguiram voltar para a pista.

PONTOS EXTRAS

Apesar da Sprint Race de Monza ainda estar em fase de testes, pontos extras são dados aos três primeiros colocados. Valtteri Bottas ganhou 3 pontos pela vitória, enquanto Max Verstappen ganhou 2 pontos pelo segundo lugar e Daniel Ricciardo faturou 1 ponto pelo terceiro lugar.

A corrida rápida não tem cerimônia de pódio. Mesmo com os pontos extras, as posições na tabela de classificação geral não mudaram, mantendo Bottas na quarta colocação e Max liderando o campeonato.

O GP da Itália será disputado amanhã, à partir das 10:00h, no Circuito de Monza.

Max Verstappen larga na pole position, com Daniel Ricciardo, em sua melhor largada desde 2018, na segunda colocação. Lando Norris e Lewis Hamilton largam na segunda fila.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DA FÓRMULA 1

  • 01. Max Verstappen (Red Bull Racing Honda) – 226.5 pontos
  • 02. Lewis Hamilton (Mercedes) – 221.5 pontos
  • 03. Valtteri Bottas (Mercedes) – 126 pontos
  • 04. Lando Norris (McLaren Mercedes) – 114 pontos
  • 05. Sergio Perez (Red Bull Racing Honda) – 108 pontos
  • 06. Charles Leclerc (Ferrari) – 92 pontos
  • 07. Carlos Sainz (Ferrari) – 89.5 pontos
  • 08. Pierre Gasly (Alphatauri Honda) – 67 pontos
  • 09. Daniel Ricciardo (McLaren Mercedes) – 56 pontos
  • 10. Fernando Alonso (Alpine Renault) – 46 pontos
  • 11. Esteban Ocon (Alpine Renault) – 44 pontos
  • 12. Sebastian Vettel (Aston Martin Mercedes) – 35 pontos
  • 13. Yuki Tsunoda (AlphaTauri Honda) – 18 pontos
  • 14. Lance Stroll (Aston Martin Mercedes) – 18 pontos
  • 15. George Russel (Williams Mercedes) – 13 pontos
  • 16. Nicholas Latifi (Williams Mercedes) – 07 pontos
  • 17. Kimi Raikkonen (Alfa Romeo Racing Ferrari) – 02 pontos
  • 18. Mick Schumacher (Haas Ferrari) – 00 ponto
  • 19. Nikita Mazepin (Haas Ferrari) – 00 ponto
  • 20. Robert Kubica (Alfa Romeo Racing Ferrari) – 00 ponto

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.