ESPORTESNET

San Lorenzo 1 X 1 Palmeiras foi sofrido de assistir

No último jogo contra o San Lorenzo, o Palmeiras entrou em campo com seu time reserva e o resultado foi um empate de 1×1. Embora o resultado não seja de se jogar fora, fica claro que o desempenho da equipe poderia ter sido melhor.

Uma das principais críticas ao desempenho do Palmeiras foi a falta de atenção da equipe. Em alguns momentos, o time parecia desatento e com pouca pegada, o que permitiu ao San Lorenzo criar algumas oportunidades de gol.

Além disso, a equipe mostrou pouca capacidade de construção de jogadas. O meio de campo não conseguiu criar as jogadas necessárias para que o ataque pudesse ser efetivo. Isso ficou evidente ao longo da partida, com poucas chances reais de gol.

Abel mexeu no time e a coisa melhorou um pouco

No segundo tempo, o técnico fez algumas mexidas na equipe, o que resultou em um aumento de volume de jogo. Flaco e Luis entraram bem e contribuíram para que o Palmeiras conseguisse criar mais jogadas de perigo.

No entanto, mesmo com as mudanças, o time correu riscos de perder até o último segundo de jogo. Isso mostra que, apesar do aumento de volume na segunda etapa, ainda há muito a ser ajustado para que a equipe consiga ter um desempenho mais consistente.

Um dos pontos negativos do jogo foi o desempenho de Richard Ríos e Gabriel Menino. Ambos os jogadores não conseguiram se destacar e tiveram atuações abaixo do esperado.

Richard Ríos, em especial, teve um desempenho assustador. Com erros de passe e falta de posicionamento, o jogador comprometeu o meio de campo do Palmeiras e contribuiu para a falta de criação de jogadas.

Já Gabriel Menino, que vinha sendo um dos destaques da equipe, também não teve uma boa atuação. Com pouca participação no jogo e erros de passe, o jogador não conseguiu contribuir de forma efetiva para o desempenho da equipe.

Em geral, o desempenho do Palmeiras foi espaçado e fora de sintonia. Apesar do resultado não ser negativo, é importante que a equipe analise os pontos fracos e trabalhe para melhorar o desempenho nos próximos jogos.

Botafogo passou recibo

Com uma atuação sofrível no primeiro tempo, o Botafogo iniciou a fase de grupos da Libertadores com uma surpreendente derrota de 3 a 1 para o Junior Barranquilla, nesta quarta-feira, em pleno Engenhão, no Rio. Na partida, o time colombiano chegou a abrir 3 a 0 nos primeiros 45 minutos. No final, o lateral Hugo conseguiu descontar antes do intervalo.

O resultado coloca o Junior ao lado do Universitário com três pontos e uma vitória após a rodada inicial, no Grupo D. LDU e Botafogo vão ter que buscar a reabilitação na próxima rodada.

Bragantino mandou bem

Vice-campeão da Copa Sul-Americana em 2021, o Red Bull Bragantino iniciou sua caminhada no torneio continental com o pé direito. Jogando no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, o time brasileiro venceu o Coquimbo Unido, do Chile, por 1 a 0.

A partida foi válida pela primeira rodada do Grupo H. O gol da vitória foi marcado por Vitinho nos acréscimos do primeiro tempo, aos 48 minutos.

Flu arranca empate fora de casa

O Fluminense sofreu para sair de campo com um ponto em sua estreia na Libertadores de 2024, jogando fora de casa. Atual campeão da competição, o time saiu em desvantagem contra o Alianza Lima ainda no primeiro tempo, com um gol de Serna, e poderia até ter levado mais gols. No entanto, mesmo sem criar grandes chances, achou um gol com Marquinhos, que completou de cabeça a cobrança de escanteio de Douglas Costa, fechando o placar em 1 a 1.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.