ESPORTESNET

13º GP da temporada será às 10h de domingo no circuito de Hungaroring

O heptacampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton prevê um final de semana duro para a Mercedes na Hungria, após alguns experimentos da equipe não funcionarem nos treinos desta sexta-feira (29).

Hamilton, que danificou o piso enquanto estava com pouco combustível e prejudicou sua estratégia, foi apenas o décimo primeiro colocado na segunda sessão de treinamento.

“O carro está um pouco difícil hoje. É louco o quanto muda de pista para pista”, disse o britânico, que foi o segundo colocado na França no final de semana passado e é dono do recorde de oito vitórias na Hungria, ao canal de televisão da Fórmula 1. “No momento, está um pouco solto e não está fazendo o que queremos que faça. Dia difícil… vai ser um final de semana duro, isso é certo.”

Leclerc domina 2° treino do GP da Hungria do início ao fim

Depois levar a melhor na primeira sessão de treinos nesta sexta-feira que abre o GP da Hungria, a Ferrari manteve o roteiro e dominou do início ao fim os segundos treinos.

O monegasco anotou 1m18s445 na melhor volta do fim de semana; na sequência, Lando Norris colocou a McLaren em segundo, apenas 0s2 atrás. Carlos Sainz, companheiro de Leclerc, guardou a terceira colocação. Max Verstappen aparece no quarto lugar.

Por outro lado, em Hungaroring, a Mercedes sofreu. Lewis Hamilton anotou apenas o 11° tempo e George Russell, companheiro de equipe, teve um desempenho um pouco melhor com o 8° tempo.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.