Fera do Tricolor Paulista ira debutar na seleção principal

No início da tarde desta segunda-feira (09), Pia Sundhage convocou 25 jogadoras para dois amistosos da Seleção Feminina de Futebol, contra a Argentina. Ainda sem datas e locais definidos, as partidas acontecerão entre os dias 23 de novembro e 1 de dezembro. A seleção não joga desde março, quando enfrentou Holanda, Canadá e França em um um torneio amistoso na Europa.

Novidades estão na lista, entre elas Jaqueline, atacante do São Paulo. Aos 20 anos, a atleta é um nome promissor do futebol no Brasil, e um nome constante nas listas de Jonas Urias. Em 2019 levantou a taça da fase final do Campeonato Sul-Americano Sub-19 e agora ingressa na seleção principal. Com a camisa verde e amarela, balançou a rede quatro vezes.

Ainda não teve oportunidade de atuar na seleção principal, e após essa convocação não vê a hora de entrar em campo. Os amistosos da Data FIFA podem ser uma porta de entrada para Jaqueline nas Olimpíadas de Tóquio, adiada para 2021. A camisa 30 está no Tricolor desde o ano passado, e vem se destacando pela sua garra e seus 13 gols.

Pia elogiou o futebol nacional, mas ressaltou a importância do entrosamento de jogadoras que atuam fora do país podem trazer em suas bagagens. A treinadora definiu que a mistura de diferentes culturas no ambiente da Seleção é fundamental para que o elenco chegue bem para os Jogos Olímpicos. Citou duelos do Campeonato Brasileiro e exaltou as partidas de ontem (08), nas semifinais do Brasileirão A1.

Sobre as jogadoras, Jaqueline e Ana Vitória do Benfica, Pia afirmou a importância de adicionar as duas jogadoras do Sub-20 com as atletas mais experientes, como Marta e Formiga, por exemplo.

“Você não pode apenas olhar para o futuro e trazer todas essas jovens de uma só vez, mas ao mesmo tempo você não pode manter todas as experientes, é uma mistura. A mistura é o segredo. A outra coisa é onde essas novas jogadoras devem jogar. Estou aqui há um ano e pretendo ficar muito mais. Estamos aqui e temos sempre que nos preparar para o sucesso. Estou feliz com as jogadoras extras, assim como as conversas com o Jonas, porque isso é o que prepara e moldar nosso futuro na modalidade.”

afirmou a treinadora sueca

Ao celebrar a convocação, Jaqueline postou em suas redes sociais

“Agradeço à Deus a oportunidade e toda confiança da comissão da Seleção de Base a Principal em mim, agradecer ao São Paulo FC. Agradeço a todos que me ajudam no dia a dia e torcem pelo meu sucesso. Fé em Deus sempre”

Declarou Jaqueline

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.