Considerada a melhor atuação até agora nas Paralímpiadas de Tóquio, o Brasil passa por cima da favorita da competição e se classifica para as semis.

Resumo da partida

Ambas as equipes se mantiveram firmes na defesa durante o tempo normal, forçando a então favorita China a jogar a prorrogação. Ainda no tempo regulamentar as duas seleções tiveram chances claras, finalizando bolas na trave e com grandes defesas pelo lado brasileiro.

Mesmo com a seleção chinesa acelerando a partida na segunda etapa, o empate seguiu continuou até o segundo tempo da prorrogação. Nesta modalidade existem dois tempos de três minutos ou golden goal, meio pelo qual o Brasil conquistou a vitória com a cobrança de penalidade da atleta Carol.

Caminho na competição

Até o momento a vida do Brasil não havia sido fácil na competição, conquistando a vaga para as quartas com a última vaga do grupo D, com duas derrotas um empate e uma vitória. Enquanto a China trazia a melhor campanha do grupo C, com três vitórias e uma derrota. A conquista da vaga foi uma grata surpresar para os torcedores brasileiros.

Próxima etapa

Na próxima fase o Brasil irá enfrentar a seleção dos Estados Unidos, que ganhou de do Comitê Olímpico Russo por cinco a três, para conquistar a vaga nas finais do goalball feminino.

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.