ESPORTESNET

Em iniciativa inédita, nova camisa será usada em campo pelo elenco masculino e feminino do clube; uniformes serão leiloados e toda a arrecadação com a ação será destinada ao A.C.Camargo Cancer Center, referência no tratamento do câncer no Brasil

Sociedade Esportiva Palmeiras e a PUMA Brasil somam forças para apoiar o Outubro Rosa e Novembro Azul, meses voltados ao combate a prevenção do câncer de mama e próstata, respectivamente.

Para chamar a atenção para as causas, a parceria traz o lançamento de um uniforme histórico do clube palestrino, produzido em quantidade limitada e que somente poderá ser arrematado por meio de leilão virtual. Tanto Palmeiras, quanto PUMA, renunciaram aos lucros e toda a verba arrecadada na ação será destinada ao A.C.Camargo Cancer Center, instituição referência no tratamento do câncer no Brasil.

Em uma iniciativa inédita e visando promover ainda mais visibilidade para a causa, os novos uniformes serão utilizados em campo pelo elenco masculino (jogo contra Atlético-MG no dia 19/10 pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro). Em coletiva de imprensa que aconteceu nesta segunda-feira (16) na sede do A.C.Camargo, a Presidente do Palmeiras, Leila Pereira, destacou que a ação faz parte do programa de responsabilidade institucional do Alviverde, Por Um Futuro Mais Verde, que visa gerar impacto social, econômico e ambiental positivos para o universo do futebol e para toda a sociedade.

“Mais do que um clube de futebol, o Palmeiras é uma organização comprometida com o desafio de impactar positivamente a indústria do futebol e toda a sociedade. Por meio do programa Por Um Futuro Mais Verde, o clube trabalha para incentivar comportamentos responsáveis e realiza diferentes ações de caráter social, explorando o grande alcance da sua marca. Se quisermos transformar o mundo em um lugar melhor, todos, sem exceção, temos de contribuir. A nossa gestão está muito satisfeita em se engajar em uma causa tão importante como a prevenção e tratamento do câncer de mama e de próstata”, afirma a Presidente do clube.

São preocupantes os dados acerca das doenças no pós-pandemia, como a redução de 54% nos diagnósticos de câncer de próstata no Brasil segundo o Ministério da Saúde, e aumento de 26% nos casos graves de câncer de mama no país (IJPH). Além disso, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), são esperados 71.7 mil novos casos de câncer de próstata e 73.6 mil novos casos de câncer de mama para o triênio 2023-2025.

Para o Diretor Geral do A.C.Camargo, Dr. Victor Piana Andrade, a ação vai contribuir para a conscientização e prevenção do câncer para a população.

“O câncer ainda mata 10 milhões de pessoas anualmente, este cenário poderia ser muito diferente se tivéssemos hábitos mais saudáveis e a rotina de fazer os exames de rastreamento. Agradeço a PUMA e ao Palmeiras por se juntarem ao A.C.Camargo nesta ação de conscientização de todos para pensar no câncer antes de ter um. Isto é o que chamamos de saúde oncológica”, acrescenta. 

Manto verde dá lugar às cores rosa e azul 

O novo uniforme foi criado com um design dividido, com uma metade rosa e a outra azul, representando ambas as causas oncológicas. No lado direito do peito está a cor rosa com o logo da PUMA e, no esquerdo, o tradicional “P” do clube bordado em cima da cor azul. Nas costas da camisa, consta a assinatura “Por Um Futuro Mais Verde”. Os produtos possuem tag com selo holográfico com distintivo do clube, que garantem a qualidade e originalidade do produto, além de possuírem a tecnologia dryCELL, que proporciona respirabilidade do tecido.

“Este é um dos uniformes mais cheios de propósito que criamos desde o início da parceria entre Palmeiras e PUMA. Vestir a camisa de uma causa tão necessária, juntamente com o clube, é extremamente gratificante, significativo e histórico para a marca”, ressalta Sebastián Diaz, presidente da PUMA Brasil.

A venda das camisas acontecerá unicamente por meio de um leilão digital, que terá duração de 10 dias a partir de 01/11. As camisas utilizadas em campo pelos jogadores relacionados para as partidas poderão ser adquiridas com autógrafo. O comprador ainda poderá escolher por retirar a camisa diretamente na Academia de Futebol, com direito a uma visita guiada pelo centro de treinamento do Palmeiras, ou então receber em casa em qualquer lugar do Brasil.

A coletiva de imprensa foi mediada pela jornalista e ativista do combate ao câncer de mama, Sabrina Parlatore, que concedeu seus esforços em prol da causa.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.