Dupla começa 2022 com melhor resultado possível. Próxima etapa cruzará dois Estados

Bruno/Bortolanza confirmam vitória e liderança no Brasileiro de Cross-Country

A dedicação e treinos trouxeram os resultados sonhados pela dupla Bruno Varela/Gustavo Bortolanza, que disputam o Campeonato Brasileiro de Rally Cross-Country na categoria UTV, a mais competitiva da modalidade.

Depois de vencerem na sexta-feira a especial do Rally Minas Brasil, a dupla da equipe Can-Am Monster Energy chegou em segundo na especial que encerrou a prova no sábado (12), ficando com a vitória na classificação geral dos dois dias de disputa.

Bruno e Bortolanza completaram os 371km totais dos dois dias de corrida em 4h48min42s60, deixando a dupla Cristiano Batista/Robledo Nicoletti no segundo lugar da classificação geral, depois de chegar apenas 2min02s6 atrás dos líderes. Reinaldo Varela, pai de Bruno e também piloto da equipe, terminou o Rally Minas Brasil na sexta colocação geral ao lado do navegador Arthur Carneiro, que fazia sua estreia no time baseado em Jundiaí (SP).

“O rally como um todo foi muito interessante, mas também muito difícil”, resumiu Bruno Varela. “Neste sábado nós pegamos uma chuva bem forte no começo da especial, mas conseguimos manter um bom ritmo. Forçamos o ritmo quando pudemos e fomos conservadores quando tivemos oportunidade, sempre pensando em administrar a vantagem que construímos no primeiro dia de corrida, que nós vencemos. Foi um excelente trabalho coletivo, com ótimo entrosamento do piloto, navegador e equipe. E foi também de um rally muito bem montado tecnicamente, que nos desafiou e também estimulou a buscarmos o melhor resultado possível”, finalizou Bruno Varela.

Comemoração

O sexto lugar na classificação geral da prova foi muito comemorado por Reinaldo Varela e Arthur Carneiro.

“Neste segundo dia tivemos um problema que nos obrigou a parar o carro. Perdemos quase três minutos e com esse cálculo dá para dizer que poderíamos ter chegado entre os três ou quatro melhores. Mas acho que tivemos sorte também por termos conseguido continuar e terminar em sexto na geral, que foi uma conquista em uma prova tão disputada e com tantos UTVs competitivos”, frisou o piloto, lembrando do grid de 46 veículos, o maior da primeira etapa do Campeonato. “Dito isso, vale destacar que o Arthur fez um ótimo trabalho na navegação já na sua estreia na equipe, que nos ajudou a chegar bem colocados nos dois dias”, completou.

A próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Rally-Cross Country será o Rally RN1500, que cruzará dois estados, percorrendo 1.338km entre 19 e 23 de abril. A prova terá início na Paraíba, passando por Campina Grande e Cabaceiras, para percorrer depois o Rio Grande do Norte por Acari, Caicó, Açu, região do Polo Turístico Costa das Dunas e Natal, local da chegada. Confira os dez melhores no Rally Minas Brasil, etapa de abertura da competição:

  • 1) Bruno Varela/Gustavo Bortolanza, equipe Can-Am Monster Energy, 371km em 4h48min42s60;
  • 2) Cristiano Batista/Robledo Nicoletti, Transmáquinas Racing, a 2min02s6
  • 3) Denísio do Nascimento/Gunnar Dums, Bompack Racing, a 2min38s0
  • 4) Adriano Venvenutti/Henry Ritter, Transbem Racing, a 4min51s3
  • 5) André Hort/Idali Bosse, MH Racing F Tech, a 6min37s7
  • 6) Reinaldo Varela/Arthur Carneiro, Can-Am Monster Energy, a 8min11s2
  • 7) Otávio Leite/Wladimir Gutemberg, Transmáquinas Racing, a 11min12s3
  • 8) Rufino Neto/Aristóteles Fiuza, Prohospital Rally Team, a 12min19s9
  • 9) Luiz Facco/Humberto Ribeiro, Acelera Siriema Racing, a 13min58s6
  • 10) Rafael Cassol/Minae Myauti, Giaffone Racing, a 16min41s8

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.