ESPORTESNET

Brasileiro fez grande corrida com a Venturi neste domingo e, de quebra, ampliou o status de maior colecionador de troféus da categoria

Lucas Di Grassi completou um grande fim de semana em Londres com vitória no Mundial de Fórmula E. Se no sábado o brasileiro se destacou pela prova de recuperação, largando em 22º e último e terminando em nono, neste domingo (31) o piloto da Venturi brilhou ainda mais.

Lucas levou a melhor em uma dura batalha com Jake Dennis durante a maior parte da prova e venceu pela 13ª vez na categoria.

Desta forma, Di Grassi alcançou o recorde de vitórias da Fórmula E, empatando com o suíço Sébastien Buemi.

O brasileiro também alcançou seu 38º pódio — o terceiro na temporada —, ampliando a vantagem como o maior dono de troféus na categoria em todos os tempos.

A corrida de Lucas foi frenética do início ao fim neste domingo. Di Grassi largou em segundo, formando a primeira fila com Dennis, da Andretti.

Lucas comemora em Londres: brasileiro é agora recordista de vitórias
(Venturi) (Photo by Alastair Staley / LAT Images)

Ao longo de toda a corrida, os dois andaram muito próximos e se alternaram em primeiro e segundo lugares, sobretudo durante a passagem pelo Modo Ataque.

Di Grassi assumiu a liderança de forma definitiva nos minutos finais e decisivos da corrida. Dennis ainda tentou pressionar o brasileiro, mas não conseguiu fazer a ultrapassagem.

Foi a primeira vitória de Lucas Di Grassi na capital britânica. O brasileiro já subiu no topo do pódio em Pequim, Putrajaya, Long Beach, Paris, México, Montreal, Zurique, Nova York, Berlim e Puebla.

“Muito obrigado a todos vocês aqui. Foi uma corrida grande, com momentos duros de batalha com Jake Dennis. O carro e a estratégia foram perfeitos.

Agradeço à equipe, que me deu um carro perfeito neste domingo. Estou mega feliz e agora muito motivado para tentar mais vitórias e pódios nesta temporada”, disse o vencedor deste domingo.

Lucas Di Grassi agora é o sexto colocado no campeonato, com 112 pontos. O líder é Stoffel Vandoorne, da Mercedes, que soma 185. O Mundial de Fórmula E volta a acelerar agora para o fim de semana derradeiro da temporada 2022, nos dias 13 e 14 de agosto, em Seul, capital da Coréia do Sul.

Lucas obteve o 38o pódio da carreira: maior detentor de troféus
(Venturi Racing)

Di Grassi conquistou sua primeira vitória da temporada em Londres

Lucas di Grassi conquistou sua primeira vitória pela equipe ROKiT Venturi Racing na 14ª corrida da Temporada 8 da ABB FIA Fórmula E, derrotando Jake Dennis (Avalanche Andretti) em uma batalha acirrada e estratégica de 38 voltas no circuito urbano de Londres

Di Grassi saiu da última das três ativações obrigatórias do ATTACK MODE com o suficiente para garantir que superaria um Dennis totalmente em forma quando o britânico se lançou com o seu último impulso de 30kW. Dennis, o favorito do público local, deu sequência ao triunfo do sábado com outra pole position neste domingo, mas o brasileiro ampliou sua vantagem nas últimas voltas e conquistou a vitória no momento da bandeira quadriculada.

Nyck de Vries ficou em terceiro lugar, enquanto seu companheiro de equipe na Mercedes-EQ – o líder do campeonato Stoffel Vandoorne – subiu da 13a para a quarta posição. Seu rival mais próximo na disputa pelo título, Mitch Evans (Jaguar TCS Racing), chegou a estar em quarto lugar tendo largado da 14ª posição, mas um problema técnico nos últimos momentos deu fim à sua corrida em Londres e representou um duro golpe nas suas chances ao título, já que o piloto teve que se retirar da competição e não conseguiu pontuar.

Lucas Di Grassi (BRA), ROKiT Venturi Racing, Jake Dennis (GBR), Avalanche Andretti, BMW iFE.21

Edoardo Mortara (ROKiT Venturi Racing) fez todo o possível para pontuar saindo da 17ª posição do grid, mas a sua performance combativa só lhe permitiu subir para a 13ª posição. Jean-Éric Vergne (DS TECHEETAH) abandonou a corrida no início após um contato, praticamente encerrando suas possibilidades de título no campeonato.

António Félix da Costa lutou com Sébastien Buemi (Nissan e.dams) pela quinta posição no outro carro da DS TECHEETAH, garantindo o seu segundo melhor resultado na Temporada 8 ao terminar em sexto, à frente de Robin Frijns (Envision Racing) e Sam Bird. (Jaguar TCS Racing).

Sérgio Sette Câmara finalmente conquistou os primeiros pontos da temporada para sua equipe, a Dragon Penske Autosport, depois de ter ficado sem energia no final da 13ª rodada de ontem, lutando entre os quatro primeiros lugares. Pascal Wehrlein completou o top 10 com a equipe TAG Heuer Porsche de Fórmula E.

Agora, a batalha pelo título do campeonato parece estar entre Evans e Vandoorne, com 58 pontos a serem disputados daqui a duas semanas no E-Prix de Seul, onde serão realizadas as duas corridas que encerram a temporada.

Neste momento o piloto da Mercedes tem uma margem de 36 unidades sobre o piloto da Jaguar na tabela de pontos. Entre as equipes, a ROKiT Venturi Racing superou a DS TECHEETAH e subiu para o segundo lugar no Campeonato Mundial de Equipes, embora a Mercedes-EQ tenha ampliado sua vantagem para 35 pontos.

Di Grassi fala sobre vitória histórica

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.