ESPORTESNET

Equipe taboanense teve melhor ataque da competição com 16 gols em quatro jogos

O time E.C Taboão/Magnus disputou a final da Supercopa Brasileira de Futsal Feminino de 2023, no domingo, 28/03, no Ginásio da Neva, no Paraná, contra o Stein Cascavel, e ficou em 2º lugar, com a medalha de prata da competição.

E.C Taboão Magnus conquista a segunda colocação na Supercopa Brasileira de Futsal Feminino de 2023 (CRÉDITO: DIEGO ALVES)

Em um jogo eletrizante, a equipe taboanense chegou a abrir 3×0 no placar,  mas o time paranaense conseguiu o empate após uma incrível recuperação, levando o jogo para a prorrogação.

No tempo-extra, o Stein Cascavel até saiu na frente, mas faltando 40 segundos para o fim, o E.C Taboão empatou novamente e a decisão foi para os pênaltis.

No placar final das disputas, o Cascavel ganhou o tradicional clássico por 4×2, e garantiu o título do torneio e também a sua vaga para a Libertadores de 2023. 

Apesar da derrota, o clube de Taboão da Serra fez uma excelente campanha, tendo o melhor ataque da competição com 16 gols, e eliminando os times Operário, São José e Leoas da Serra até chegar na grande final.

“Acredito que fizemos um grande campeonato, estamos tristes com a derrota na final, mas faz parte do esporte. Agora nosso foco será nas demais competições que iremos disputar. Esperamos ser campeãs nesta temporada de 2023 e dar alegria para o nosso torcedor e para a cidade de Taboão da Serra”

disse a treinadora do E.C Taboão Magnus, Cris Souza
Treinadora do E.C. Taboão/Magnus, Cris Souza, umas da maiores treinadoras do mundo. Crédito: Facebook
Escrito por Guilherme Oliveira sob supervisão de Renata Gomes

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.