ESPORTESNET

De acordo com dados do Ministério da Saúde, cerca de 60% da população brasileira não tem acesso a serviços odontológicos de qualidade, o que contribui para o aumento de problemas como cáries, doenças periodontais e perda dentária precoce. Além disso, 55% dos brasileiros não vão ao dentista pelo menos uma vez ao ano, frequência indicada pelo MS.

O resultado da baixa frequência de visitas ao profissional de saúde pode ser observado na boca das pessoas. Cerca de 41,5% da comunidade com mais de 60 anos já perdeu todos os dentes. E esta não é a única consequência do descuido com a saúde bucal. Também pode ocorrer cáries, mau hálito e gengivite, além de afetar a saúde como um todo.

“Muitas vezes, a falta de higiene bucal tem relação direta com outros males, como desconfortos físicos e emocionais e doenças sistêmicas, cuja primeira manifestação se dá na boca. Uma delas é a endocardite bacteriana, um grave problema no coração que pode ser causado por bactérias provenientes dos dentes”, afirma Matheus Moura Martins, dentista e CEO da IOMM Digital Estética Avançada.

Odontologia estética

Além de uma questão de saúde, cuidar bem da saúde bucal tem benefícios de autoestima. Os procedimentos mais comuns em odontologia estética no Brasil incluem clareamento dental, lentes de contato dental, facetas de porcelana e ortodontia estética, entre outros. O objetivo desses procedimentos é melhorar a aparência dos dentes, proporcionando um sorriso mais bonito e harmonioso.

“O sorriso e a autoestima estão interligados, e a odontologia pode ter um papel fundamental na busca por qualidade de vida. É primordial deixar claro que a odontologia estética vai muito além de promover dentes bonitos, podendo oferecer soluções que impactam diretamente as questões que afetam a baixa autoestima”, conta Martins.

Cuidados diários

Escovar os dentes logo pela manhã, após as refeições e, principalmente, antes de dormir são as principais dicas de Martins, que indica outras ações que contribuem diariamente com a preservação dos dentes e uma saúde bucal:

“Consumir água com frequência ajuda na produção de saliva e na limpeza dos dentes, entre outros benefícios para nosso corpo. Não se esqueça de ficar hidratado ao longo do dia. E tenha uma alimentação saudáve”, explica. “É fundamental consumir com moderação alimentos ricos em açúcar e amido, como doces, massas e pães. Esses ingredientes atraem as bactérias que lesionam os dentes, ou seja, que provocam as tão temidas cáries”, complementa. 

Visitar o dentista regularmente, pelo menos, uma vez ao ano também é indicado. “Dessa maneira, ele faz uma avaliação completa e, caso haja algum problema, certamente, será mais simples de ser resolvido, pois, devido ao acompanhamento periódico, provavelmente, estará no início”, conclui o dentista.

Para saber mais, basta acessar: www.matheusmouramartins.com.br