O varejo tem seu fluxo orgânico de vendas, mas em datas sazonais, como Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Namorados, das Crianças, Black Friday e Natal, o volume aumenta exponencialmente. Nesse cenário, o e-commerce mostrou um crescimento acelerado em 2020, que se manteve ao longo do ano passado, sendo a principal alternativa aos lojistas para manter os negócios em andamento. De acordo com o levantamento realizado pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o e-commerce cresceu 19%. Para 2022, a previsão é atingir 12% de crescimento.

Diante disso, o varejo consegue prever e se preparar para essas datas e atender melhor os consumidores. Assim, é preciso estar atento a cinco dicas para superar as expectativas dos clientes:

1) Mapear as datas comemorativas

Saber quando o volume de vendas do negócio vai aumentar é o primeiro passo para suprir as demandas extras.

2) Analisar o histórico dos períodos de maior volume

Nem todas as datas comemorativas são rentáveis a determinados tipos de negócios. Nas celebrações mais fortes, como Dia das Mães e Natal, o aumento de vendas é esperado, mas, conforme o core da empresa, o Dia do Orgulho Nerd, por exemplo, pode não ser indicado para investir.

3) Planejar as ações com antecedência

Inclui-se a comunicação, os descontos e a logística de entrega. Tudo precisa ser pensado e executado com qualidade e agilidade para que as expectativas dos clientes sejam atendidas, evitando reclamações que podem abalar o negócio.

4) Promover descontos e facilidades reais

O intuito é oferecer descontos para pagamentos à vista ou praticar a redução de preços de modo que o consumidor não se sinta prejudicado. Costuma-se difundir informações que algumas empresas agem de forma enganosa e aumentam os valores antes de datas comemorativas para atrair clientes com grandes descontos. Hoje, os consumidores estão mais atentos a essas práticas, além do auxílio de diversas plataformas que mantém o histórico de preços para determinado produto. Além disso, a loja que pratica esse tipo de ação fica sujeita a ser acionada por órgãos regulatórios e multada por irregularidades.

5) Procurar a resolução rápida de problemas

Por mais que haja planejamento, erros podem acontecer. É preciso estar atento nesses pontos e buscar soluções para resolver as pendências o mais rápido possível e menos prejudicial para os consumidores.

O varejo tem 365 oportunidades para realizar boas vendas, mas algumas datas são ainda mais especiais e alavancam os negócios. Para ser bem-sucedido, a empresa precisa buscar explorar todo o potencial. Para isso, organização e planejamento são pontos essenciais.

*Por Clóvis Souza, CEO da Giuliana Flores