Serena questionada sobre a continuidade de sua carreira

Serena Willians foi eliminada pela japonesa Naomi Osaka nas semifinais do Aberto da Austrália nesta quinta-feira, e a grande pergunta que o mundo do esporte quer saber é: Chegou o momento da americana se aposentar?

Na saída do jogo, nitidamente abatida, ela despistou comentar sobre abandonar as quadras, mas venho trazer uma comparação com a maior vencedora de “Grand Slans”, Margaret Court. A australiana venceu 24 torneios e retirou-se em 1977, aos 35 anos. Seu último título da competição foi no “US Open de Tênis” em1973, 4 anos antes de anunciar aposentadoria.

A americana Serena Willians é a 2ª maior vencedora de “Grand Slans” com 23 conquistas, 1 a menos que Margaret Court. Seu último título foi o Aberto da Austrália em 2017, 4 anos atrás. De momento, é a campeã mais velha de todos os 4 Slans: Winbledon, aos 34 anos; Aberto da Austrália, aos 35; Roland-Garros, aos 33; US Open, aos 32.

Ela pode encerrar a carreira quando quiser. É uma lenda e uma das maiores atletas dos últimos tempos, e não precisa provar mais nada.

Não tenho dúvidas que foi a maior tenista que eu vi jogar, só não estou preparado e acostumado a ver ela perder partidas como a de agora. Vale a pena continuar jogando em um nível mais baixo ou se aposentar no auge?

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.