Enquanto os donos da casa buscam o bicampeonato da terceira divisão após vencer em 2003, o time mineiro quer um troféu inédito, já que em competições nacionais só venceram a Série D em 2014

Neste sábado (20) será conhecido o grande campeão do Campeonato Brasileiro da Série C. Depois de ficarem no empate por 1 a 1 em Tombos, na Zona da Mata Mineira, no jogo de ida da decisão, Ituano-SP e Tombense-MG voltam a se encontrar, desta vez no Estádio Novelli Júnior, em Itu, às 17h. Como não há vantagens por campanha, quem vencer a partida ficará com o título.

Em caso de mais empate, independente do placar, a decisão irá para os pênaltis. Enquanto os donos da casa buscam o bicampeonato da terceira divisão após vencer em 2003, o time mineiro quer um troféu inédito, já que em competições nacionais só venceram a Série D em 2014.

CAMPANHAS

Para chegar até aqui, o Ituano foi segundo colocado do Grupo B da primeira fase com 33 pontos e um retrospecto de nove vitórias, seis empates e três derrotas em 18 jogos. Já no quadrangular final, a equipe liderou com folga o Grupo C terminando com 13 pontos somados em 16 partidas.

Do outro lado, o Tombense fez uma campanha parecida com ao do adversário, ficando em segundo do Grupo a com 27 pontos: seis vitórias, nove empates e três derrotas em 18 jogos. E, depois foi lider do Grupo D, com 11 pontos, deixando para trás Novorizontino, Manaus e Ypiranga

O duelo também reserva a disputa entre o melhor ataque contra uma das melhores defesas. Com 34 gols marcados, o time de Mazola Júniior foi quem mais balançou as redes nesta Série C. Já o Tombense, é o segundo entre os times que chegou até a segunda fase, que menos levou gols. Ao todo sofreu 21, contra 16 do Botafogo-PB, líder neste quesito.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

ITUANO

Para o duelo, o técnico Mazola Júnior irá escalar o Ituano com força máxima. Afinal, além de não ter novos desfalques por suspensão ou lesão, o comandante ainda conta com o retorno do atacante João Victor, que ficou de fora da primeira partida da final por conta de uma suspensão pelo terceiro amarelo.

Com esse retorno no setor ofensivo, Mazola deve optar por armar o time mais uma vez no 4-3-3, tirando Kaio do meio-campo. Pilares da equipe e titulares absolutos, o goleiro Pegorari e o zagueiro Mateus Silva fizeram uma análise do que esperam do duelo e pediram atenção da equipe durante os 90 minutos.

“Técnica e fisicamente o Tombense é uma das melhores equipes que enfrentamos na competição. Sabemos das dificuldades que será este jogo. Principalmente pelo fator visitante, eles sempre que jogam fora dão muito trabalho para os times da casa. Isso serve de motivação para entrarmos concentrados na partida e assim conquistarmos a vitória”, disse o camisa 1 que nesta partida irá completar 90 jogos com a camisa do Ituano.

“É decisão, então temos de entrar ligados e focados. Vai ser um grande jogo. Todo mundo quer ser campeão quando tem a oportunidade, então, não podemos deixar passar. Temos de entrar muito fortes e concentrados. Sabemos o que temos de fazer e esperamos conquistar uma grande vitória para sermos campeões dentro de casa”, completou o defensor.

TOMBENSE

Do outro lado, o técnico Rafael Guanaes não terá desfalques por suspensão ou lesão, por isso irá mandar o Tombense com força máxima e a base será a mesma que começou jogando a primeira partida. Para o volante titular Luiz Otávio, o retrospecto do Tombense fora de casa pode ajudar, e muito, na busca pelo tão sonhado título nacional.

“Expectativa de um grande jogo. Nossa sequência fora de casa favoreceu bastante neste quadrangular, fomos melhor até do que nos jogos em casa. Então acredito que será um jogo bastante difícil, mas temos totais condições de sairmos com o título”, disse.

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.