Chape é a lanterna do Brasilerão com 12 pontos e está muito perto de voltar para a Série B

Muito perto do rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro, a Chapecoense poderá ter participação decisiva nos objetivos das demais equipes no Brasileirão. Por conta disso, a possibilidade da famosa “mala branca” veio à tona e foi confirmada pelo executivo de futebol do clube catarinense, Carlos Kia.

“Nós temos que cumprir tabela, aproveitar a visibilidade que temos na Série A. Evidentemente que nós vamos buscar pontos. Isso (mala branca) não aconteceu até o momento, mas imagino que pode acontecer. Se não tiver essa diferença que existe hoje que tem o Atlético (na liderança), se essa diferença diminuir pode ter a possibilidade”, revelou o dirigente em entrevista à rádio Grenal.

Além da possibilidade de receber “mala branca” de outras equipes, Carlos Kia revelou falha no planejamento da Chapecoense e admitiu ter um elenco de Série B em mãos. Não à toa o time está na lanterna do Brasileirão, com apenas 12 pontos após 24 rodadas.

“A Chapecoense gasta em folha de pagamento esse ano menos do que pagou ano passado. Quando a Chapecoense acordou para o mercado, aqueles atletas que já poderiam resolver os problemas já estavam empregados. Nesse momento, estamos com a qualidade do grupo um pouco baixa, o nosso grupo hoje é um grupo de Série B”, completou o dirigente.

Com ou sem “mala branca”, a Chapecoense se prepara para enfrentar o Internacional, um adversário que busca se aproximar da zona de classificação à próxima edição da Copa Libertadores. O duelo pela 25.ª rodada será neste domingo, às 11 horas, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

Deixe seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.