A+ R A-

Hamilton é soberano na Espanha e Grosjean faz nova lambança

     Neste domingo, Lewis Hamilton dominou o GP da Espanha e conquistou a prova em Barcelona pelo segundo ano consecutivo. A Mercedes conseguiu ficar com a dobradinha com Valtteri Bottas ficando na segunda colocação. Max Vertappen ficou com o terceiro lugar do pódio ao ficar à frente de Sebastian Vettel.  

     A Mercedes retomou a liderança no campeonato de construtoras da Ferrari, que viu seu campeão mundial de 2007, Kimi Raikkonen, deixar a corrida antes do final. 

     O único momento em que o piloto britânico não ficou na primeira colocação foi quando ele foi para o pitstop. O atual campeão da Fórmula 1 abriu mais de 20 segundos de vantagem em relação ao seu companheiro de equipe. 

     A prova foi marcada por um acidente logo na largada, que tirou Nico Hulckenberg, Pierre Gasly e Romain Grosjean da prova, quando Grosjean fez uma lambança ao tentar retornar a pista após rodar e acertou os outros. Kimmi Rikkonen deixou a prova na 27ª volta depois de ver seu carro perder a potência. 

     Lewis Hamilton se mantém na liderença do Mundial de Pilotos e agora passa a 95 pontos. Sebastian Vettel segue como vice-líder com 78 pontos e Valtteri Bottas fica na terceira colocação com 58 pontos. 

     A próxima etapa da temporada de 2018 da Fórmula 1 será o GP de Mônaco, que será realizado no dia 27 de maio, às 10h10 (de Brasília). No ano passado, Sebastian Vettel venceu a prova numa dobradinha da Ferrari e agora, Lewis Hamilton lidera o campeonato com 95 pontos, 17 a mais que o alemão.

 Hamilton GP Espanha 2018 Treinos Livres Pirelli Radio ESPORTESNET  002

A corrida

 

     Logo no começo da corrida, Romain Grosjean saiu da pista e, em seguida voltou no meio do pelotão, colidindo com Nico Hulckenberg e Pierre Gasly. Os três saíram da prova logo após a largada e o safety car entrou em ação até a sexta volta. Além disso, após a luz verde, Sebastian Vettel conseguiu assumir a segunda colocação ao ultrapassar Valtteri Bottas. 

     Depois de seis voltas com o carro de segurança, foi dada a relargada e Lewis Hamilton começou a dominar, marcando o recorde do circuito (1min18s441) – que depois foi batido por Ricciardo (1min19s147) – e sempre aumentando a sua vantagem em relação ao alemão da Ferrari. 

     Na 27ª volta, Kimi Raikkonen viu seu carro perder a potência, deixou vários pilotos o ultrapassarem e, ao término da volta, foi para o pitstop e abandonou a prova. O finlandês vinha muito bem e chegou a ser o segundo colocado após o pitstop de Vettel e Bottas. 

     Lewis Hamilton conseguiu manter a primeira colocação durante quase toda prova e só perdeu ela quando fez o pitstop. No entanto, no momento em que Max Verstappen fez primeira parada, o britânico voltou a ficar em primeiro. 

     Sebastian Vettel fez a sua segunda parada quando o safety car virtual foi acionado e caiu para a quarta colocação. Apesar de ter pressionado Verstappen, que bateu a frente do carro, durante o fim da corrida, o alemão não conseguiu passar para a terceira colocação. 

     A Mercedes acabou só fazendo um pitstop depois de perceber que a Red Bull só iria fazer uma parada e, com isso, poderia ter conseguido a primeira colocação caso a escuderia alemão voltasse a mandar seus pilotos para os boxes.

Hamilton GP Espanha 2018 Treinos Livres Pirelli Radio ESPORTESNET  003

 

Grosjean perde três posições no grid de Mônaco após acidente na Espanha

 

     Como era de se esperar, Romain Grosjean recebeu uma punição após o acidente ocorrido no Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 neste domingo. A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) considerou o piloto da Haas culpado e decidiu tirar três posição dele no grid de largada do próximo GP, que acontece em Mônaco. 

     O acidente aconteceu ainda na primeira volta, logo após a largada, na curva dois do circuito. Grosjean perdeu a frente do carro, rodou e saiu da pista. Porém, tentando evitar a área de brita, o piloto voltou para a pista de forma temerária e sem controlo algum, enquanto ainda acelerava o carro. 

     Após acidente, Hulkenberg cutuca Grosjean: “Ele gosta de rodar” 

     Grosjean ainda deu sorte, em certa medida, já que poderia ter provocado um acidente ainda maior. No momento em que voltou à pista, o piloto acabou batendo em Nico Hulkenberg e Pierre Gasly, que acabaram saindo da corrida. Sirtokin e Alonso escaparam por muito pouco. 

Confira como ficou a classificação do GP da Espanha:

 

1 – Lewis Hamilton

2 – Valtteri Bottas

3 – Max Verstappen

4 – Sebastian Vettel

5 – Daniel Ricciardo

6 – Kevin Magnussen

7 – Carlos Sainz

8 – Fernando Alonso

9 – Sergio Perez

10 – Charles Lecler

11 – Lance Stroll

12 – Brendon Hartley

13 – Marcus Ericsson

14 – Sergey Sirotkin

Kimi Raikkonen – abandonou

Nico Hulckenberg – abandonou

Pierre Gasly – abandonou

Romain Grosjean – abandonou

Esteban Ocon – abandonou

Stoffel Vandoorne – abandonou

Fonte: GazetaEsportiva.net