A+ R A-

Palmeiras X Santos: visão do clássico

     37 mil pessoas estiveram presentes ao Allianz Parque para o clássico entre Palmeiras X Santos. 

    É visível que o elenco com mais opções hoje no país esta sendo bem aproveitado por Roger. Não da para afimar que ele terá continuidade no Palmeiras, depende de resultados, torcida e diretoria. Mas é nítido que o time de 2018 já podemos ver algumas nuances que o diferenciam da temporada anterior. 

    Roger analisou bem o elenco e esta sabendo aproveitar melhor algumas peças. Felipe Melo, que anteriormente era mais personagem que jogador e agora é titular absoluto no esquema do time, buscando bola entre os zagueiros, executando lançamentos e ainda aparece no ataque esporadicamente. Jaílson se tornou a aposta do treinador, mesmo com o ídolo Fernando Prass e o campeão olímpico Weverton e o goleiro não decepcionou, já esta há 26 jogos invicto.

     Um dos pontos que mais chama a atenção é Borja, o criticado reforço de R$ 33 milhões que em 2017 não tinha mobilidade e função no time. Agora com Roger o atacante colombiano tem função tática, flutuando nas alas e armando jogadas, resultado: Borja é útil ao time agora e ainda vem aos poucos reencontrando o caminho do gol.

     A defesa palestrina, sempre criticada pela falta de função dos laterais e as vezes a zaga perdida, ao menos por enquanto demonstra consistência e equilíbrio com Antonio Carlos e Thiago Martins, além de Marcos Rocha (reforço recém contratado) e Victor Luis, prata da casa que vem dando conta do recado. Defesa bem postada e jogando simples deram um equilíbrio ao time que o deixa mais solto para atacar e com isso, Lucas Lima, Scarpa, Moisés, Guerra e Cia podem produzir mais.

     Do lado santista Jair Ventura ainda tem tempo para preparar o clube para a estreia da Libertadores no dia 1º de março contra o Real Garcilaso.

     A derrota para o Palmeiras não é motivo para cobrar e criticar o trabalho de Jair que ainda tem desfalques (Bruno Henrique, Vitor Bueno e Gabigol) e não podemos esquecer que ele esta se encontrando em um clube novo, diferente do Botafogo que ele realizou um bom trabalho mas que ele tinha anos de vivência. Jair tem tudo para dar certo no Peixe, com a volta de jogadores e talvez mais uma peça para compor o meio de campo este time ainda pode dar liga.

 

 

Borja Palmeiras 04 fev 2018 ESPORTESNET Palmeiras 001

No Tatico Fernando Alves Firmino ESPORTESNET 2015