A+ R A-

Super Bowl 50: Jogadores de Panthers e Broncos falam sobre expectativas e motivações para o grande jogo

 

 

     Estamos a poucos dias do Super Bowl 50, e Carolina Panthers e Denver Broncos já estão na Califórnia para a disputa do grande jogo da temporada para ambas as equipes. Jogadores dos dois times em entrevista para a Rádio EsportesNet mostraram suas expectativas e motivações para a partida.

     “O time montou cenários diferentes e planos de jogo específico para a partida, especialmente visando a velocidade e raça do jogo do adversário, temos que trabalhar bem nosso setor ofensivo mas estaremos prontos para domingo. Estamos com uma união bem forte no nosso elenco e cada um joga pelo companheiro. Quando entramos dentro de campo, não jogamos porque temos que jogar, jogamos que gostamos de jogar, então fizemos um grande trampo na união da equipe e por isso estamos aqui.” Disse Mike Tolbert, fullback do Carolina Panthers que ressaltou um trabalho específico para o Super Bowl.

 


     O companheiro de time de Tolbert, Ted Ginn Jr, falou sobre como o time trabalhou duro nessa temporada e essa é a grande motivação para o time: “Você deve trabalhar duro por tudo nessa vida e foi isso que fizemos nessa temporada. Toda vez que você busca algo em sua vida pra valer vai te exigir bastante, então não importa o que você busca e sim o tempo e esforço que você coloca seu objetivo e é isso que nos motiva para essa final.”



     No lado do Denver Broncos, o cornerback Chris Harris Jr, ressaltou a mudança que houve no sistema defensivo em relação ao ano anterior e da experiência que os veteranos estão passando aos novatos neste momento decisivo 


 

     “Estamos com uma boa equipe e eles também, na última vez que chegamos aqui metade da nossa defesa atual não estava na equipe. Nosso time está focado na decisão e da pra ver isso na expressão dos jogadores, especialmente os veteranos, que tentam passar sua experiencia para os novatos. Porém o mais importante é que nosso time está focado e com uma atitude diferente, se encaixarmos nosso jogo podemos sair de campo vitoriosos” afirmou o camisa 25 do broncos.





Texto: Gustavo Tomazeli e Luiz Henrique Santos

Audio: Gustavo Faldon/ESPN